| 

Release

Presidente da Abag foi homenageado no evento de 90 anos da Associação Brasileira de Criadores

Na última segunda-feira (05/12) aconteceu a cerimônia comemorativa pelos 90 anos da Associação Brasileira de Criadores (ABC), em São Paulo.

Na oportunidade também foi concedido o Prêmio ABC, para homenagear personalidades do agronegócio que mais se destacaram no ano, nas categorias: pecuária de corte, pecuária de Leite, associativismo e ensino/pesquisa. A premiação Personalidade do Ano também é para aqueles que se revelaram com distinção na vida pública ou privada.

O presidente da ABC, Luiz Alberto Moreira Ferreira, salientou a importância da premiação e da comemoração pelos 90 anos da ABC. “Esta festa é para homenagear as pessoas que muito contribuem para o agronegócio paulista e brasileiro”, afirmou Ferreira.

O presidente da Abag, Luiz Carlos Corrêa Carvalho, recebeu o prêmio de personalidade do Associativismo e falou em seu discurso dos limites físicos do planeta e do esgotamento do modelo de governança dos países, mas enfatizou suas preocupações com o Brasil. “No Brasil, o esforço maior, para fora, seria viabilizar o difícil Acordo de Paris sobre o clima e internamente temos prioridades urgentes como o ajuste fiscal e a reforma da previdência. Ao mesmo tempo o povo está indo às ruas protestar contra a corrupção e pedindo decência aos políticos. O que se vê é indignação e decepções, gerando ansiedade em todos nós”, disse ele.

Carvalho também falou dos desafios do agronegócio brasileiro. “No global, um mundo com perspectivas de maior protecionismo, com campanhas contra açúcar e carne, por exemplo. O agronegócio vive a retomada da confiança em meio a tudo isso. Um câmbio que compensa a queda dos preços de alguns produtos em meio à recessão e queda de consumo. Há expectativas para a reação de alguns produtos, como a carne. O Brasil é o grande protagonista para alimentar o mundo no século XXI. Deveremos liderar toda a inovação no agronegócio no mundo tropical, enquanto líder por resultados e exemplo, pela vocação”, finalizou.

Na ocasião, também foram homenageados Aloysio Nunes Ferreira Filho, senador, na categoria Personalidade do Ano, Carlos Viacava, na categoria Pecuária de Corte; Makoto Edison Sekita, na categoria Pecuária de Leite, o diretor da Esalq/ USP, Luiz Gustavo Nussio, na categoria Ensino/Pesquisa e Marcos Sawaya Jank, que recebeu a homenagem especial: Sócio Emérito.

Veja Mais