| 

Notícias

Confiança do setor cresce 6 pontos no 3º trimestre

Fonte: 16/11/2017

Foto: divulgação

O Índice de Confiança do Agronegócio (IC Agro) subiu 6,7 pontos no terceiro trimestre de 2017 em relação ao segundo, para 99,1 pontos, informaram ontem a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB).

Conforme as duas entidades, o IC Agro indica uma "melhora significativa" das expectativas, embora o entusiasmo ainda não tenha retornado aos níveis de 2016, quando no mesmo período registrou 106,3 pontos.

Pela metodologia do IC Agro, uma pontuação acima de 100 pontos corresponde a otimismo e abaixo disso indica baixo grau de confiança.

A confiança da indústria de insumos agropecuários somou 104,8 pontos no trimestre, alta de 11 pontos ante o trimestre imediatamente anterior. "Algumas incertezas que pairavam sobre o setor ao longo do ano foram amenizadas. À medida em que o plantio da safra de verão se aproximou as negociações voltaram a ocorrer, o que justifica a melhora da percepção das indústrias de insumos", disse em nota o gerente do Departamento do Agronegócio (Deagro) da Fiesp, Antonio Carlos Costa.

Para a indústria fora da porteira, houve avanço de 5,8 pontos, para 102,7 pontos, ante o último levantamento. O resultado mostra que as empresas retornaram um otimismo moderado, próximo ao registrado em 2016.

Já para o produtor agropecuário, o avanço foi de 5,9 pontos em comparação com trimestre anterior, para 93,2 pontos, ainda que pelo terceiro levantamento consecutivo o indicador permaneça abaixo dos 100 pontos. "Os resultados mostram que a confiança aumentou mais entre os pecuaristas do que entre os produtores agrícolas, depois de atingir o menor nível da série histórica", afirmou o presidente da OCB, Márcio Lopes de Freitas, também por meio de comunicado.

Fonte: DCI

Veja Mais